Tag: Cabelos grisalhos

Que cores combinam com cabelos brancos?

Encontrar as roupas e as cores que combinam com a gente, o nosso corpo e o estilo de vida é um desafio e tanto. De certa forma, é o que nos define esteticamente. Nós, Dominiques, demoramos um tempo para identificar. Acima de tudo, hoje em dia, já sabemos o que nos cai bem e nos deixa confortável. 

Talvez você tenha tido ajuda de um personal stylist. Muitas vezes se aventurou pelas lojas. Frequentemente errou compras. Sempre folheou revista de moda. Tudo isso para chegar a um resultado que agora te agrada. Tudo certo. 

Mas…. agora você passou dos 50 anos e adotou os cabelos brancos. Um novo estilo… Com o envelhecimento, o tom da nossa pele muda bastante sem aquele rosado característico da juventude. Os cabelos brancos também são diferente. E agora? As cores que você determinou para o seu estilo continuam funcionando com um novo tom de cabelo e pele? 

Renovação Technicolor

É, Dominique, talvez uma pequena atualização seja necessária. Mas nada de seguir regras muito rígidas. Longe disso, até porque o gradiente de cores é quase infinito. Ainda assim, tenho a certeza que vários tons vão combinar e você já tem peças no seu guarda-roupas pra compor o novo estilo. Portanto, a dica aqui é rever a sua paleta de cores para selecionar aquelas que nos deixam mais bonita com os novos cabelos brancos.

Recentemente, descobri o termo Coloração Pessoal, que é a análise das cores naturais do nosso tom de pele, olhos e cabelos. Quando usamos as cores certas, a combinação pode certamente iluminar o rosto e até suavizar os traços. Por outro lado, as cores erradas podem nos deixar mais abatidas e até mais velhas! Você conhecia? 

As cores das 4 estações

Uma dos métodos mais conhecidos para achar sua cor pessoa foi desenvolvido pela psicóloga Carole Jackson, nos anos 80, autora do livro “Colour Me Beautiful“. Ela desenvolveu a técnica das 4 estações, que determina qual é a paleta ideal para grupos de pessoas. 

É um pouco mais complexo do que isso, tá, mas resumindo as quatro estações da natureza são usadas para organizar e combinar diversas cores. Ao identificar a sua estação, você encontrará a paleta que combina melhor com a sua coloração natural. A descrição de cada uma delas é: 

  • verão: puro, claro e suave
  • inverno: puro, intenso e profundo
  • primavera: pura, clara e intensa
  • outono: puro, suave e profundo

Acho que essa imagem pode ajudar a visualizar o método:

O ideal é que a análise da sua colorimetria seja feita por um profissional, um especialista em moda. Ele fará a análise considerando rosto, olhos, sobrancelha e até mãos e pés. Além do tom, também é feita uma avaliação do subtom, ou seja, o que define a nossa pele como fria, neutra ou quente. 

Para te inspirar, resolvi fazer uma busca de looks em Dominiques com os cabelos brancos. Se você já adotou o branco, verá como a combinação correta das cores tem o poder de te deixar radiante. E para as mulheres que ainda estão com dúvidas, a seleção pode ajudar a visualizar que é possível valorizar seus pontos positivos, sem parecer mais velha. 

Seleção de looks

Escolhi uma paleta bem colorida para as roupas. Mas tenho de revelar que eu não sou adepta ao visual colorido. Tempos atrás, arrumando meu armário, me dei conta surpreendentemente de que tinha muitas peças preto, branco e azul! A partir daí eu comecei a variar as cores. Estou adorando!

Azul
Amarelo
Bege
Laranja
Rosa
Verde
Vermelho
P&B

Mas vale a pena mostrar também que podemos ficar incríveis usando apenas preto e branco!

Qual cor combina com qual cor?

Também achei no site The Whoot essa diagrama para combinar cores complementares. Achei bem útil!!!

Mais posts sobre moda

Ponchos – olha só que coisa legal

Roupas legais para fazer home office

Avatar
Dominique

Nasceu em 1964. Ela tem 55 anos, mas em alguns posts terá 50, 56, 48, 45. Sabe porque? Por que Dominique representa toda uma geração de mulheres. Ela existe para dar vida e voz às experiências, alegrias, dores, e desejos de quem até pouco tempo atrás era invisível. Mas NÓS estamos aqui e temos muito o que compartilhar. Acompanhe!

Seja a primeira a comentar

Comentar

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Sou super a favor

Tem uma piadinha que diz que brasileira não envelhece.
Brasileira enloirece.
Não sei vocês.
Mas talvez esse tenha sido o meu caso até dois anos atrás.
Nasci quase loira.
Simmmmm. Isso é possível, tá?

Bom, meus cabelos castanhos tinham algumas mechas naturais mais claras.
Boniiiitooooo.
Já mocinha, resolvi dar uma ajudinha pra natureza e fazer mechas adicionais.
Com o passar do tempo, elas foram mudando de nome.
As mechas, eu digo.
Viraram reflexo.
Depois, luzes.
Ai, balayage.
Californianas.
Mas tudo a mesma coisa!

Conforme o nome se modernizava, o preço aumentava, e eu me empolgava, pedindo:
– Um pouquinho mais aqui na frente.
– Deixa só um pouquinho mais loiro nas pontas, vai… É verão..
E assim foi indo até que um dia…
Tcharam, me vi loira!!
Mas, na verdade, eu acho que sempre fui loira.
Nasci loira, lembra?
E fui vivendo de reflexo a cada dois ou três meses.

Vi aparecer os primeiros fios de cabelos brancos que as mechas generosamente encobriam.
E você sabe como o fio branco pode ser mal criado e revoltado, né?
Mas há dois anos a tal balayage não deu conta dos grisalhos.
Nem a californianas.
Nem nada!!!
Aí a cabeleireira me avisou..
Você vai ter que pintar!!!
– Oooooooooooooooohhhhhhhhh.
– Pintar?
– O meu cabelo?
– Meu cabelo é virgem!!!!!

Falei que ela estava louca e pedi tonalizante!!
Meu cabelo não merecia tal química!!
A coitada passou o que eu pedi.
O.D.I.E.I
Mudei de salão.
A nova cabeleireira falou que a antiga tinha feito tuuuudo errado e me convenceu a passar tinta no cabelo.
O.D.I.E.I
Bom.
Rodei São Paulo.
Acabei com meu cabelo.
E cheguei à conclusão de que a culpa não era da cabeleireira, nem salão ou da tinta.
Eu simplesmente não me reconhecia ao olhar no espelho com aquela nova cor na raiz do cabelo.
Nunca nenhuma tinta reproduziria a cor natural.
Óbvio.
Mas não tinha opção.
Ou isso ou os cabelos brancos, que sim, podem ser uma opção muito bacana.
Mas não para mim (vou falar sobre isso depois).

Com uma enorme dose de resignação, fui me acostumando com minha nova aparência.
E descobri que, provavelmente, jamais conseguirei ou poderei fazer uma plástica.
Se não consigo me acostumar com a cor da raizinha do cabelo diferente!!!
Mas gente, atenção!!

Sou super a favor de plástica. Para quem quer fazer.
Sou super a favor de deixar os cabelos brancos. Para quem quer deixar.
Sou super a favor de tinturas. Para quem quer pintar.
Sou super a favor de rugas. Para quem quer mostrar.
Sou super a favor de fazer o que te fizer bem.
Seja no espelho, seja na alma.

Eliane Cury Nahas
Eliane Cury Nahas

Economista, trabalha com tecnologia digital desde 2001. Descobriu o gosto pela escrita quando se viu Dominique. Na verdade Dominique obrigou Eliane a escrever. Hoje ela não sabe se a economista conseguirá ter minutos de sossego sem a contadora de histórias a atormentá-la.

15 Comentários
  1. Lindo… texto lindo … Precisamos urgentemente cuidarmos, acolhermos e amarmos umas as outras. Nossos piores julgamentos vêm de outras mulheres

  2. Estou assumindo meus cabelos brancos!!! É uma fase difícil, mas estou resistindo!!! Minha neta me falou: vovo porque você não pinta seu cabelo de marrom, ele está branco e marrom!!! Sei que está horrível, mas vou resistir!

  3. Ha tres anos desisti das tintas, sou grisalha natural! Deixei para ver se me acostumava e gostei. Olho no espelho e me reconheço sem sofrimento, quem não estiver pronta continue pintando. Seja feliz com cabelos castanhos, loiros, pretos ou grisalhos, seja você.

  4. Noeli: Tenho 57 e cansei de a cada quinze dias retocar raízes deixe-nos branco e estou me sentindo ótima!

  5. Eu já falei, que só vou assumir os meus brancos qdo chegar aos 70 80 anos, ainda não. Acho que gosto de sofrer, porque, fala sério, pintar raiz de cabel é uma tortura, mas um cabelo louro é lindo né?

    1. Mininas…
      Estou na fase de arrancar os recém nascidos descorados com a pinça… ficam espetados, assanhados pra aparecerem com qualquer penteado e eu os odeio!
      Acho lindo e chique quem ostenta uma cabeleira prateada com elegância, mas creio não ter nascido com essa classe toda.
      Minha mãe está com 80 anos e tem meia dúzia de brancos espalhados. Um show!
      Estou com quase 50 e não sei ainda o que a genética tem a me dizer sobre isso.
      Bom dia!!!

  6. Fiz o mesmo caminho com tintas,reflexos,balaiagem e outros…
    O cabelo foi se acabando,sofrendo!
    Ai resolvi fazer reflexos brancos que se misturaram aos meus brancos.
    E então uso só a máscara hidratante matizadora que os deixa prateados.
    Adorei!

  7. Sou a favor dos grisalhos mas acredito que tenha de ser bem cuidado também! Tenho o cabelo ondulado e super difícil de ser cortado! Acho que o meu ficaria mais ressecado!por isso mantenho um bom corte e pintor uma vez ao mês!

  8. Tenho 74 anos e sou loura d verdade. Aí gosto mais escurinho e pinto a anos de loiro sei
    Lá o que. Agora os brancos estão a aparecer de verdade e tô deixando. Cingis de todos os lados, mas não vou pintar, por hora . -foto você.

  9. Delicia ! Quer deixar Branco? Deixa!
    Quer pintar? Pinta!
    Faça o que tu queres, a vida é tua, mas não fique apontando aquela que faz o contrário tá ! Cada uma na sua!

  10. Adorei! Sou super a favor!
    De ser feliz….
    De não me importar com o que os outros querem fazer ou com a opinião deles sobre o que eu faço! Principalmente sobre a aparência!
    A maior vantagem que vi na maturidade!

  11. Mesma história, só muda o endereço! Agora estou no momento conhecer meus brancos. Se gostar ficam, se não, tintura e um envelhecimento à brasileira (loura).

Comentar

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

QUER MAIS CONTEÚDO ASSIM?
Receba nossas atualizações por email e leia quando quiser.
  Nós não fazemos spam e você pode se descadastrar quando quiser.
CADASTRO FEITO COM SUCESSO - OBRIGADO E ATÉ LOGO!
QUER MAIS CONTEÚDO ASSIM?
Receba nossas atualizações por email e leia quando quiser.
  Nós não fazemos spam e você pode se descadastrar quando quiser.
CADASTRO FEITO COM SUCESSO - OBRIGADO E ATÉ LOGO!
QUER MAIS CONTEÚDO ASSIM?
Receba nossas atualizações por email e leia quando quiser.
  Nós não fazemos spam e você pode se descadastrar quando quiser.
CADASTRO FEITO COM SUCESSO - OBRIGADO E ATÉ LOGO!
QUER MAIS CONTEÚDO ASSIM?
Receba nossas atualizações por email e leia quando quiser.
  Nós não fazemos spam e você pode se descadastrar quando quiser.