Tag: Meditação

Faça 15 minutos de meditação diária e sinta os resultados

Dominique - Meditação

Não sei se é bom porque virou moda ou se virou moda porque é bom demais, mas o mundo todo aconselha a meditar. O médico, o psicólogo, a vizinha, o padeiro, até o japonês do pastel da feira outro dia me deu uma dica de meditação.

Nós, Dominiques, somos ligadas no 220v, assobiamos, chupamos cana, descendo escada, mascando chiclete, de salto alto, passando batom. Por que, raios, é uma dificuldade tão grande meditar?

Simplesmente porque não estamos acostumadas a parar. Nosso cérebro, ao contrário dos homens, pensa em milhões de coisas ao mesmo tempo.

Eu me vi numa sinuca de bico, dor e ansiedade, nenhum remédio mais fazendo efeito. Nem os tratamentos alternativos foram bem sucedidos.

Quando o mundo todo fala e você não escuta, quem está errado? Pois é. Definitivamente achava uma balela essa coisa de meditação. Só para gente zen, vegetariana e com tempo sobrando. Santa ignorância!

Criei coragem. Baixei um app gratuito, há centenas deles, com meditação guiada. Este, em especial, é da Arte de Viver, uma filosofia de vida liderada por Sri Ravi Shankar, um indiano superfofo, líder humanitário, mestre espiritual e embaixador da paz.  Ele prega uma sociedade livre de estresse e de violência e, com isso, vem unindo milhões de pessoas em todo o mundo através de projetos de serviço social e também de cursos da Arte de Viver.

Há dois anos fiz um curso, Hapiness, e pude conhecer melhor os benefícios da meditação, da yoga e de uma alimentação saudável.

Também neste lugar, conheci pessoas de  todas as idades buscando um pouco mais de serenidade e paz no meio deste caos urbano que vivemos. Pesquisei bastante antes de ir sobre viver a vida com mais propósito, alegria e tranquilidade.

Por que meditação guiada? Porque se depender da minha pessoa, passados os primeiros 60 segundos, vou fazer a lista de supermercado, a agenda de amanhã e depois de amanhã, lista de aniversários, relacionar as roupas para mandar para a costureira, ter uma ideia de um novo projeto e ai então a meditação já foi por água abaixo.

Como é difícil não pensar em nada! Mas depois que a gente consegue não tem dinheiro que pague. Imagine você conseguir simplesmente não se preocupar com nadica por alguns instantes.

Tanto faz se está sol ou chovendo, frio ou calor, se estou atrasada, se acabou o leite, se não entreguei aquele relatório, se a fatura do cartão de crédito chegou, mas o pagamento ainda não, se o Temer roubou, se o Lula roubou, se o Aécio roubou… Mas se o Papa Francisco roubou, eu me mato. É o único ser em quem confio de olhos fechados.

O tempo da meditação é só seu e ali não cabe nenhum pensamento ou preocupação. Parece fácil? Nada, mas é possível, desde que você leve a ferro e fogo.

Não consigo fazer a meditação sentada, minhas hérnias de disco na lombar não permitem. Faço deitada, mas presto bem atenção nas orientações do meu mestre guru. Quando surge um pensamento, faço como um controle remoto, aperto o botão e o deixo passar. É só não prestar atenção no infeliz (mesmo que seja um pensamento bom), naquele momento NÃO PODE PENSAR. No começo é bem estranho, depois entra no automático.

O principal para entrar na vibe é realmente fazer a tal respiração. É impressionante como prestar atenção ao inspirar e expirar fundo realmente baixa a adrenalina. Depois é só seguir as orientações do Guia.

Tá e daí? Que diferença a meditação faz na vida?

Notei depois de algum tempo que não perdi mais o sono, que presto mais atenção em coisas que antes passavam batido, que perco a paciência muito menos e, a melhor de todas para mim, as enxaquecas diminuíram em intensidade e frequência.

Não preciso ir a um parque, à beira de um rio, praça, montanha. Faço no meu quarto, mas é claro que se tiver oportunidade de fazer em frente ao mar vai ser magnífico, já fiz e realmente é uma sensação difícil de descrever.

Separei aqui alguns apps de meditação gratuitos. Abra, veja e teste. Veja qual você melhor se adapta e não desista na primeira tentativa, insista, os benefícios realmente são grandes e valem a pena.

  • Sattva
  • Medita!
  • Calm
  • 5 minutos – Eu medito
Se você nunca meditou, faça um teste e depois me conte o que achou!
9 Comentários
  1. Comecei a meditar há 4 meses e acho sensacional .
    Sou super agitada e nunca pensei que fosse gostar tanto e me fazer tao bem .
    Sinto uma melhora enorme na minha qualidade de vida .
    Recomendo fortemente a pratica da meditação ,

    1. Oi, Rosalina. Para conseguir baixar os aplicativos, você precisa encontrá-los na App Store (Se seu celular for Iphone) ou na Google Play (Se for Android).

Comentar

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

O passo a passo da minha caixinha de chita

Dominique - Chita

Uma artesã acidental

Dizem por aí que virei a louca da capa de chita.
Não posso ver uma caixa, um caderno, uma latinha, que já saio encapando.
Não é bem assim. Quer dizer… É.
Há tempos, descobri que PRECISO fazer alguma atividade manual.
Preciso para parar de pensar.
É nesta hora, que não vejo TV.
Que não estou na frente do computador ou do Celular.
É a hora que não estou recebendo nenhum tipo de informação.
Quem sabe, só escutando música.
Concentrada na tarefa manual. Não penso em mais nada.

Será que isso pode ser um tipo de meditação?
Os xiitas dirão que não.
Mas eu preciso deste break de sinapses histéricas tanto quanto do ar que respiro.
Aí, um belo dia, eu descobri umas chitas lindaaas numa lojinha perto do meu escritório. Sempre gostei de cores!! Estampas!!
Comprei! Não resisti. Comprei um metro de cada estampa!!
Bom… E agora? O que fazer com quase 10 metros de chita?

Affff Dominique… Só você mesmo.
Uma coisa leva a outra.
E pronto.
Desenvolvi minha própria técnica,
Que aliás, vai ter artesã morrendo de rir quando olhar isso aqui.
Porque além de ser completamente sem jeito, sou completamente estabanada.
Você vai ver também que meus acabamentos são horrorosos. Ainda não consegui chegar lá.
Mas estou no processo.
Acho importante mostrar que ninguém nasceu sabendo.
Vou mostrar também meus erros.
E meus acabamentos porquinhos.
E quem sabe um dia, a evolução disso.
Que tal?

Bom… Vamos lá?

Material:

• Caixa
• Chita
• Cola branca
• Cola de tecido
• Pregadores de roupa
• Tesoura
• Manta acrílica
• Fita dupla face
• Pincéis

Dominique - Chita

Modo de fazer:
Caixa escolhida. Eu na verdade, só encapo a tampa. Por 2 motivos:
– Fica mais charmoso.
– Se eu encapar a caixa mesmo, não sei a técnica para fazer com que a caixa feche. Os tecidos em cima e em baixo fariam muito volume (já testei e não deu certo).

Medida a tampa 30cm x 17cm x 5cm

Manta Acrílica
Porque uso manta acrílica? para dar aquele gordinho em cima. Fica charmoso. Com cara de caixa de loja, mas não é necessário não.
– Corte um pedaço de manta acrílica quase do tamanho da tampa 31cm x 17cm.
Passe cola branca na tampa da caixa e vá colando a manta acrílica.
Corte as sobras.
Agora ajeite o tecido do avesso, claro né?

Dominique - Chita

O Tecido – A chita
O tecido para esse tamanho de caixa vai ser de 50cm x 35cm.
Você precisa ter tecido para fazer a lateral, a dobra e o acabamento.
Marque onde vai cortar, de um picote e rasgue com a mão. É a melhor maneira de cortar.

Dominique - Chita

Acabamento – Bainha
Agora para termos um acabamento bacaninha, gosto de fazer um tipo de bainha. Um tipo. Claro que não vou passar na máquina, né santinha?
Aí, uso uma cola de tecido que vem num tubinho e com bico fininho. Veja na foto. Super fácil.
Vou passando, virando e vai colando na hora.
Não fica aqueeeeela perfeição, mas quem diria que um dia iria me preocupar com acabamento interno? Então, tá ótimo.

Dominique - Chita

Montagem – dobraduras
Bom meninas, agora vai começar a brincadeira de verdade!!!
Já apanhei muito para fazer essa parte. Mas sempre me divirto. E achei um jeito que acabou dando certo.
Tecido no avesso. Tampa centralizada.
Cole pedaços de fita dupla face em uma das laterais. Estique o tecido e grude na fita. Claro que você já tirou todos os papeizinhos.

Às vezes, faço todo este trabalho antes, em todos os lados sem as fitas apenas usando pregadores de roupa , só para ver se vai dar certo, se não vai faltar tecido em nenhum lado, se não fiz nenhuma burrada. Sabe como é?

Começo pelas laterais maiores da caixa. depois para as menores.
E os cantos são sempre um enooooormeee problema. Pelo menos para mim.
Mas acabei me virando. Puxa daqui, estica dali e fica tudo lindo. Você vai ver.
Na foto número 6, você vê que voltei a usar a tal cola de tecido. Sabe pra quê? Para justamente esconder as sobras de tecido e tentar arrumar os cantinhos.
Por fim, pregador de roupa para secar apertadinho.

Dominique - Chita

Dominique - Chita

Desastre 
E aqui, só para ilustrar. Este é apenas um dos desastres que acontece toda vez que sento para fazer minhas “artes”.
Sabe aquele tubinho de cola de tecido com biquinho fino? Pois então… Apertei demais e saiu bico. Meio tubo de cola e quase estragou tudo. Ainda bem que deu para arrumar.

Dominique - Chita

PRONTO!!!
E eis aqui minha caixinha pronta. Não ficou bonitinha?

Dominique - Chita

Se você fizer uma, manda a foto pra mim? Deixa eu ver?

Se tiver um jeito mais fácil de a caixinha de chita me ensina, pleasee?

Leia Mais:

Faça você mesma um leque de presente para as amigas
DIY pra organização: desta vez vai!

Eliane Cury Nahas
Eliane Cury Nahas

Economista, trabalha com tecnologia digital desde 2001. Descobriu o gosto pela escrita quando se viu Dominique. Na verdade Dominique obrigou Eliane a escrever. Hoje ela não sabe se a economista conseguirá ter minutos de sossego sem a contadora de histórias a atormentá-la.

3 Comentários
  1. Gostei da suas dicas fiz um porta papel higiênico kkk com pernas de calça velha calça jeans rasgou virou um shortinho pra ir despojada praia e usar em casa mesmo . gostei do artesanato ia .vc é original realista e incentivar a prática de fazer pra gente mesma algo personalizado seu estilo.parabens .

  2. Amei sua disposição para ensinar o que aprendeu sozinha. Eu faço decoupage com guardanapo e uso para o acabamento lixa de unha, mas já vi alguns vídeos onde as artesãs usam esta técnica também para o tecido, não sei na prática se dá certo pois nunca trabalhei com tecido. Parabéns seu trabalho ficou de muito bom gosto. Beatriz

    1. OI BIa, Pois é..disposição e cara de pau, né? Mas não entendi como fazer o acabamento com lixa. Manda um video pra mim? E posso ver suas artes? Fiquei curiosa!!

Comentar

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Fazer crochê (ou tricô) é medicina preventiva!

Foi sempre parte da minha rotina parar tudo o que eu estou fazendo e fazer algum artesanato. Hoje sair das telas do computador e do celular!! Eu aprendi os primeiros pontos de crochê com a minha avó, ainda menina. Eu e a minha prima ficávamos na casa dela enquanto nossas mães trabalhavam. Se a gente aprontasse algo, o nosso castigo era fazer crochê, sentadas no sofá da sala. Mais tarde, aprendi com uma amiga a bordar com miçangas e lantejoulas. Bordei todas as minhas fantasias de carnaval.

Mais velha o artesanato permaneceu na minha vida. Alguns períodos mais, outros menos, mas eu sempre tenho um projeto novo pra fazer. Não foi surpresa quando eu li uma pesquisa científica confirmando o benefício do crochê e do tricô para a saúde. Eu sempre me senti muito bem fazendo meus trabalhos manuais. Agora… tenho a chancela de um estudo do porte feito pela Harvard Medical School.

A pesquisa mostrou que fazer tricô e crochê não apenas relaxam ou são um ótima passatempo. É medicina preventiva! Ao usar as duas mãos, a atividade estimula os dois lados do cérebro. O movimento repetitivo e o foco na agulha provocam um relaxamento que é semelhante ao resultado da meditação. Esta calma faz baixar a frequência cardíaca e a pressão arterial.

Eles constataram também benefícios diretos para a saúde como redução da perda de memória em idosos e a redução da necessidade de uso de medicamentos em diagnósticos como a depressão. Fazer rotineiramente um trabalho manual também está associado ao menor risco de demência.

Outras pesquisas mostraram ainda mais vantagens. Ajudou também a reduzir a anorexia nervosa em 74% de pacientes de um estudo feito na Universidade de British Columbia. Até crianças estão se beneficiando as atividades usando linhas e agulhas. Um projeto acompanhado pelo Craft Yarn Council mostrou que a garotada que faz tricô tem mais foco, paciência e atenção.

Como eu disse, já sentia os benefícios no meu dia a dia. Agora, quando comentam que estou dedicando muito tempo ao meu ateliê apenas respondo que é medicina preventiva! Querem ver minha última criação? O cabo do meu celular estava todo desgastado, em algumas partes até cortado e sujo. Cobri com crochê. Usei quatro cores: bege, marrom, verde e dois tons de rosa. Usei os pontos baixo e meio alto. Ficou assim!

Ficou assim, gostou!

Dominique - crochê

 

Avatar
Ju Junqueira

Jornalista que trabalha com internet há 20 anos. Divide o tempo entre as inovações tecnológicas e os trabalhos manuais no estilo Do It Yourself. Descobriu que é melhor que fazer meditação.

4 Comentários
  1. Estou fazendo um xale para mim e outro para minha filha de 9 anos!!! Fico bem tranquila e passo horas fazendo!! Relax total!!!!

Comentar

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

QUER MAIS CONTEÚDO ASSIM?
Receba nossas atualizações por email e leia quando quiser.
  Nós não fazemos spam e você pode se descadastrar quando quiser.
CADASTRO FEITO COM SUCESSO - OBRIGADO E ATÉ LOGO!
QUER MAIS CONTEÚDO ASSIM?
Receba nossas atualizações por email e leia quando quiser.
  Nós não fazemos spam e você pode se descadastrar quando quiser.
CADASTRO FEITO COM SUCESSO - OBRIGADO E ATÉ LOGO!
QUER MAIS CONTEÚDO ASSIM?
Receba nossas atualizações por email e leia quando quiser.
  Nós não fazemos spam e você pode se descadastrar quando quiser.
CADASTRO FEITO COM SUCESSO - OBRIGADO E ATÉ LOGO!
QUER MAIS CONTEÚDO ASSIM?
Receba nossas atualizações por email e leia quando quiser.
  Nós não fazemos spam e você pode se descadastrar quando quiser.