Lado bom da menopausa . Ele existe sim! E não é jogo do contente. Acredite!!

Hoje vou te contar um segredo. O lado bom da menopausa. Yesssss darling ele existe!!
Dominique - Bom

Muitas de nós estão passando pelo período do climatério. Ainda menstruo regularmente, bom nada mudou neste quesito, mas sinto mudanças no meu comportamento e corpo, acho que é aquela velha história do “gato subiu no telhado”.

Deve ser o tal climatério, para mim um perfeito desconhecido até pouco tempo atrás. Este papo de menopausa nunca me interessou muito, o que os olhos não veem o coração não sente. Às vezes, penso ser psicológico, afinal quase todas as minhas amigas estão na menopausa já há algum tempo, é natural que eu comece sentir ou achar que estou sentindo alguma coisa, até para fazer parte da tchurma.

Sou totalmente a favor da mudança do nome da menopausa (Astromélia, Lírio, Cravo, Begônia, Petúnia…) porque esta infeliz é um estigma que todas as mulheres precisam levar ou enfrentar a partir de uma determinada idade. Somos taxadas cronologicamente com um marco A.M. e D.M. e vem com ele uma lista implacável de horrores e perdas. Marco zero do início do final da jornada.

Fui a uma dermatologista para tratar uma alergia e perguntei sobre algum produto para firmar a pele do rosto e pescoço. Com um sorriso sarcástico ela diz:

– Bom, agora, querida, acostume-se, é ladeira abaixo. Tudo despenca. Tudo cai, não tem salvação.

Veja bem minha gente, foi uma dermato que falou. Tá bom que a área dela não é cosmetologia, mas se tem um segmento que apresenta recursos de tudo quanto é tipo para melhorar a aparência é justamente a dermatologia. Saí de lá em depressão e com uma vontade gigantesca de devorar um quilo de chocolate ou sorver uma garrafa de Prosecco. À noite, foi o Prosecco.

Quer saber? Minha pele antes oleosa agora segura a maquiagem o dia todo. Adeus zona T.

Com o calor senegalesco deste ano, tive certeza que os tais fogachos haviam chegado. Viajei para o interior de São Paulo, nos três primeiros meses do ano, para uma região bem quente e sofri como um pinguim, mesmo sendo fã número um do verão.

Sentia brotar cachoeiras do meu rosto. Era nítido o incômodo, aversão e tentativa em vão das pessoas tentando desviar inutilmente das borbulhas sudoríparas. Sabe aquele tipo que fala e o perdigoto salta? Era assim.

Não tenho mais os calorões, mas a termostato do meu corpo mudou. Em pleno inverno, não sinto o frio que sempre me torturou. Um dia vão me encontrar congelada e cinza na cama. Precavida, durmo com uma etiqueta de identificação no dedão do pé para facilitar o reconhecimento do corpo. Agora, fale se não é uma delícia parar de sair mais como uma cebola, com tantas camadas de roupas.

O ar condicionado é meu brother. Estou felicíssima em sofrer menos no inverno.

Já escutei que muitas mulheres não querem contar para o marido que a danada chegou com medo que ele se desinteresse por ela. COMO ASSIM?

Eu só vou me desinteressar se ele desaprender como faz as lições básicas para me deixar animada. E o ressecamento. Pergunto e o KY? Ele abre portas, mas não faz milagres, tem que continuar fazendo a lição de casa, de preferência com estrelinhas de louvor.

Tenho notado um aumento significativo na gordura no abdômen e culote. Isso realmente está me incomodando e não estou sabendo lidar muito bem. Como melhor que antes e menos ainda (mais legumes, verduras, frutas, tapioca, adeus farinha branca), mas comecei a saborear Prosecco como ninguém, o que deve dar uma forcinha para o excesso de banha na pança.

Tá bom contratei um personal (fugi a vida inteira desta criatura obsessora), quem sabe agora vai.

Diante dos sintomas, resolvi me aconselhar sobre reposição hormonal com quem já fez todas as pesquisas possíveis sobre o tema, minha amiga Dominique.

A reposição pode ser feita com hormônios idênticos aos naturais, com estrogênio e progesterona ou também testosterona, para ativar a libido. Pode ser pílula, spray nasal, creme vaginal, adesivo ou gel, mas tem que conversar com médico, porque existem algumas contraindicações como caso de câncer na família, histórico de cardiopatias.

Só não consegue descobrir se engorda ou não! E tem os naturebas, óleo de prímula, amora, soja.

Já ouviram falar da Síndrome de Vera Fischer? Percebo que as mulheres que sempre foram bonitas, que chamam a atenção por onde passam, sem dúvida, sofrem mais com as agruras do climatério. Talvez porque o nível de exigência consigo mesma seja muito maior e a luta é tão contra a natureza, que é deprê na certa, irritação, até homicídio para quem faz uma gracinha.

Por outro lado, estar sempre bonita e impecável é um porre. Eu não tenho que nada, nem estar gorda, nem estar magra. Tenho que estar como me sinto melhor. Mas que eu me sinto melhor magra é fato, inferno de Java.

As perdas não são obrigatórias e tudo depende do ponto de vista. Você escolhe sempre, copo meio cheio ou copo meio vazio.

Olha só…
O Vilão O lado bom
A pele resseca muito! Eu sempre tive pele oleosa. Sabe aquela zona T? Acabou!
A libido caiu. Despencou! Não querida. Alguém não está fazendo o que deveria fazer aí do seu ladinho. Sério. Não carregue toda essa responsabilidade.
Calooorrreeesssss Horrorososss Nunca mais vou gastar um tostão com casacos e malhas. Hoje posso até considerar o que era impossível há uns anos atrás. Conhecer um sueco maravilhoso e me mudar para Estocolmo!
Depressão É depressão ou tristeza? Identifique. Ou simplesmente você está introspectiva e reflexiva nesta fase? Em todos os casos, você só vai para frente. Na deprê toma um remedinho, né, minha linda?
Humor que varia conforme o preço da gasolina E quem quer ser previsível??? A vida fica muito mais animada. Pergunte pro maridão!
Falta de hormônios Temos reposição para quem pode. E para quem não pode temos salsinha picada,chá de amora, edamame.
Alopécia estrogênica… Affff, queda de cabelo Mas Darling! Acabaram as depilações. Aqueles pelos horrorosos que chamam de buço. E estamos sempre prontinhas para o crime.
Memória desintegra Olha só que maravilha. Esqueci.
Nível de tolerância baixa a níveis quase que negativos Este é o famoso FODA-SE. Tem algo melhor e mais libertador do que virar as costas sair andando?
Insônia No começo, isso foi uma das piores coisas. Me incomodou demais. Fritava na cama. Mas hoje? Menina, meu tempo rende, mas rende! Dá tempo até de fazer bobagem.
A gente não consegue emagrecer. A gente engrossa. Aqui, realmente não vejo lado bom.
Já escrevi um monte de textos sobre a menopausa. Até vídeos gravei. Dá uma olhadinha!

Menopausa is a Bitch!!!!

12 dicas infalíveis para lidar com os calores

Meu primeiro Fogacho. Que situação!!

10 Comentários
  1. As únicas coisas que me incomodam são os fogachos que molham rosto e cabelo. Tenho cuidado da memória também. Mas li um artigo onde diz que se a falta de memória nos preocupa é bom sinal pois ainda estamos lembrando de alguma coisa.kkk
    E por último o peso. Sempre estive acima do peso. Hoje tenho que me cuidar muito mais. beijos

  2. Gostei do comentário e por gostar da cachorros. Eles são minha paixão. Quanto a essa bendita menopausa estou mais tranquila agora. Eu passei por momentos que achava que ia explodir e um mau humor danado. Fui então no nutrólogo com medicina ortomolecular e deu muito certo. Hoje não tenho mais calores, estou zen e emagreci cinco quilos. Estou livre, leve e solta.

  3. Amei o texto.
    Menopausa me assusta, até 5 anos atrás tomava remédio para engordar,
    Hoje como um chuchu e parece que comi um boi.Nunca suei na vida, hoje pareço as cataratas do niagara.
    Enfim vou procurar ler mais sobre o assunto porque quero lidar melhor com
    tudo isso.Bjos

  4. Você realmente acha que tem vantagens na alopecia? Entao você não sabe o que é alopecia.
    Você prefere ter menos pelos pelo corpo e também menos cabelo na cabeça?
    Esse é, pra mim, o maior castigo da menopausa. Estou fazendo reposição hormonal e tomando finasterida pra tentar “tentar” não ficar careca.
    Sinceramente, acho que vc deveria ler um pouco mais sobre isso antes de apontar como um sintoma positivo.

  5. Adorei o texto, aliás, como todos, me divirto e aprendo, isso é ótimo.
    Quanto a danada, passei como todas, ela já chegou e eu estava acima do peso, então, isso não me assustou, qto aos valores, Jesus, esses me tiraram do sério e a todos aqui em cada tbm, está, mas, passou.
    A diminuição da libido é que foi complicada e por excesso do peso e outras complicações gormanaus que já tinha anteriormente, meu Ginecoligista optou pelo chá de amora, foi ótimooooo, em todos os sentidos.
    De resto, vida que segue. Bj

    1. Oi Consuelo,
      Você não imagina como ficamos felizes de você se divertir com os nossos textos. Esse é o nosso propósito, levar a vida e sua agruras com muito bom humor!
      E dá-lhe chá de amora então! Beijos

  6. Gente, to sofrendo com essa coisa chamada menopausa. Estou me desconhecendo. Mas, o texto foi bem humorado, gostei

Comentar

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

QUER MAIS CONTEÚDO ASSIM?
Receba nossas atualizações por email e leia quando quiser.
  Nós não fazemos spam e você pode se descadastrar quando quiser.
CADASTRO FEITO COM SUCESSO - OBRIGADO E ATÉ LOGO!
QUER MAIS CONTEÚDO ASSIM?
Receba nossas atualizações por email e leia quando quiser.
  Nós não fazemos spam e você pode se descadastrar quando quiser.
CADASTRO FEITO COM SUCESSO - OBRIGADO E ATÉ LOGO!
QUER MAIS CONTEÚDO ASSIM?
Receba nossas atualizações por email e leia quando quiser.
  Nós não fazemos spam e você pode se descadastrar quando quiser.
CADASTRO FEITO COM SUCESSO - OBRIGADO E ATÉ LOGO!
QUER MAIS CONTEÚDO ASSIM?
Receba nossas atualizações por email e leia quando quiser.
  Nós não fazemos spam e você pode se descadastrar quando quiser.